Crianças de Chibuto à descoberta das novas bibliotecas escolares

Crianças de Chibuto à descoberta das novas bibliotecas escolares

Crianças de Chibuto à descoberta das novas bibliotecas escolares

As escolas do Chibuto, abriram o presente ano letivo, oferecendo aos seus alunos novas oportunidades de acesso à leitura, graças à criação e reforço dos fundos das suas bibliotecas.

As escolas do Chibuto, na província de Gaza, em (Moçambique), abriram o presente ano letivo, na terceira semana de janeiro, oferecendo aos seus alunos novas oportunidades de acesso à leitura, graças à criação e reforço dos fundos das suas bibliotecas.

Integrado no programa “Passaporte para a Leitura”, que baliza o trabalho que a AIDGLOBAL tem vindo a efetuar em Moçambique, a Organização investe, agora, na criação de uma “Rede de Bibliotecas Escolares no Distrito de Chibuto”, atividade a ser realizada entre março de 2011 e agosto de 2012.

Segundo o responsável do projeto em Moçambique, Hugo Jorge, a primeira resposta da comunidade local às novas ofertas escolares está a ser “muito positiva”. A título de exemplo, indica que a Biblioteca da Escola Primária de Macunene recebeu a visita de 130 alunos, desde a abertura do ano letivo, em meados de janeiro.

O interesse de alunos e outros membros da comunidade em consultar livros e fazer uso das instalações é similar em outras bibliotecas escolares do distrito, nas quais a AIDGLOBAL tem vindo a atuar, em parceria com o Conselho Municipal e Serviço Distrital de Educação, com o objetivo de combater a iliteracia e os baixos níveis de leitura.

Além da criação e reforço dos fundos das bibliotecas escolares, o projeto já capacitou vários técnicos e docentes – quinze professores locais em Gestão de Bibliotecas e cinquenta professores de Português, em Dinâmicas de Promoção da Leitura – promovendo, assim, o aceso à cultura em comunidades, onde a maioria da população tem pouco ou nenhum acesso aos níveis básicos de formação.

No decurso do programa, foram criadas duas bibliotecas escolares e reforçadas outras duas já existentes em quatro estabelecimentos de ensino do Distrito do Chibuto. Numa iniciativa inédita, a AIDGLOBAL concebeu, ainda, uma biblioteca móvel denominada “bibliotchova”, que sendo itinerante, circula de sala em sala, facilitando a alunos e professores o acesso às obras.

A grande divulgação do projeto, em Moçambique e em Portugal, tem contribuído para a angariação de parcerias, materiais e fundos, tendo em vista a continuação da sua sustentabilidade, nomeadamente através da campanha “Embaixadores da Leitura”, lançada no passado mês de julho e ainda em curso.

Os “embaixadores” que apadrinharem uma das bibliotecas da Rede de Bibliotecas Escolares do Distrito do Chibuto, estarão a contribuir para a conclusão da mesma, perpetuando o seu nome na placa dessa biblioteca.

O projeto “Rede de Bibliotecas Escolares no Distrito de Chibuto” é promovido pela AIDGLOBAL e cofinanciado pelo Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento (IPAD), pela Rede de Bibliotecas Escolares do Ministério da Educação de Portugal e pela Campanha Embaixadores da Leitura.

Saiba mais sobre o projeto aqui.