Formação de professores na Madeira sobre Cidadania Global

Formação de professores na Madeira sobre Cidadania Global

Formação de professores na Madeira sobre Cidadania Global

Oficina realizada no âmbito do projeto “Educar para Cooperar”

A Oficina “A articulação da Cidadania Global com o Currículo ‒ Estratégias para uma Educação Transformadora”, iniciada no dia 22 de novembro, na sede do Sindicato dos Professores da Madeira (SPM), Funchal, tem a sua última sessão programada para dia 23 de maio.

Nos encontros anteriores, os formandos testaram e implementaram estratégias participativas de aprendizagem a partir das quais se podem trabalhar temáticas relativas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Da prática à teoria, refletiu-se sobre Cidadania Global (conhecimentos, capacidades, atitudes e valores), inclusão social, resiliência social e ambiental e respeito e valorização pela diversidade étnica e cultural.

A última sessão será realizada por videoconferência e os participantes irão partilhar o seu Trabalho de Projeto e as adaptações que tiveram de realizar devido à situação de pandemia da COVID-19. O trabalho de projeto consistia em facilitar a criação e implementação de microprojetos desenvolvidos por alunos que visassem a promoção da Cidadania Global e a transformação social, em articulação com os conteúdos das disciplinas.

Os 19 docentes participantes são oriundos de diversas escolas da Madeira e estão a completar 50h de formação. Trans(formar), despertar, atuar e cooperar foram alguns dos verbos mais referidos nesta capacitação.

Algumas fotografias estão online no Facebook da AIDGLOBAL (aqui).

A presente formação, acreditada pelo Sindicato dos Professores da Madeira, tem como formadora Susana Damasceno, Presidente da Direção da AIDGLOBAL, e conta com a colaboração da facilitadora Sofia Lopes, gestora do projeto “Educar para Cooperar – Porto Santo e Madeira”.

Este projeto é promovido pela AIDGLOBAL e cofinanciado pelo Camões — Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., tendo como parceiros a Câmara Municipal do Porto Santo e o Sindicato dos Professores da Madeira.

Saiba mais sobre este projeto aqui.