AIDGLOBAL marca presença no 1º Encontro Inter Espiritual e Cultural do Vale Encantado

AIDGLOBAL marca presença no 1º Encontro Inter Espiritual e Cultural do Vale Encantado

AIDGLOBAL marca presença no 1º Encontro Inter Espiritual e Cultural do Vale Encantado

A interculturalidade e a inter-religiosidade na construção da Cidadania Global

A AIDGLOBAL esteve presente no 1º Encontro Inter Espiritual e Cultural do Vale Encantado, no passado sábado, dia 22 de julho, em Arruda dos Vinhos, propondo-se sensibilizar para as temáticas da Cidadania Global.

Durante a tarde, a AIDGLOBAL abordou o fenómeno religioso promovendo o diálogo em torno da questão “Toda a pessoa tem direito à liberdade de religião?”. Essa dinâmica participativa, dinamizada por Ana Amorim e Rita Lopes, jovens dinamizadoras do Programa “Ocupação dos Tempos Livres” do Instituto Português do Desporto e Juventude, visou demonstrar a ligação entre as inúmeras religiões e os países em que estão representadas, de modo a enfatizar que o mundo está repleto de diferentes crenças devendo todas elas ser respeitadas, de igual modo. A atividade, que contou com a participação de cerca de 12 crianças, tinha por objetivo desconstruir estereótipos interligando a Religião aos Direitos Humanos, estabelecendo-se, assim, uma relação entre estes temas e os temas de Educação para o Desenvolvimento.

Sob a organização do Município de Arruda dos Vinhos, em parceria com a Slow Movement Portugal e o Observatório para a Liberdade Religiosa, o encontro compreendeu inúmeras atividades subordinadas ao tema “Inter-religiosidade” entre as quais se incluiu um debate sobre “Como construir pontes ao invés de muros?”.

Esta atividade foi uma oportunidade para criar sinergias com o projeto da AIDGLOBAL “Educar para Cooperar: a Rota Histórica das Linhas de Torres e a Cidadania Global”, cofinanciado pelo Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I. P., e cujos parceiros são as Câmaras Municipais de Arruda dos Vinhos, Loures, Mafra, Sobral de Monte Agraço, Torres Vedras e Vila Franca de Xira, e o Centro de Formação de Loures Oriental.

Veja as fotos aqui