“Juventude em Ação” facilita um intercâmbio com a CESIE, na Itália

“Juventude em Ação” facilita um intercâmbio com a CESIE, na Itália

“Juventude em Ação” facilita um intercâmbio com a CESIE, na Itália

Programa da União Europeia facilita o intercâmbio entre a organização italiana CESIE e a AIDGLOBAL

O programa europeu “Juventude em Ação – Apoio à mobilidade de jovens trabalhadores” veio permitir a colaboração de um jovem da ONG italiana CESIE com a AIDGLOBAL, entre abril e setembro de 2013, no sentido de desenvolver atividades na área da Juventude e da Educação para a Cidadania Global.

“Juventude em Ação” é um programa destinado a jovens, que tem como objetivo estimular o sentido ativo de cidadania europeia, a solidariedade e tolerância entre os jovens europeus e o seu envolvimento na construção da União Europeia.

Sendo que o programa promove a mobilidade dentro e fora das fronteiras europeias, a educação não formal e o diálogo intercultural, o projeto de Andrea Vacha “Training towards  a new Europe” foi aprovado pela Comissão Europeia.

Durante seis meses, Andrea Vacha desenvolverá diversas atividades de Educação para a Cidadania Global em Portugal e desenvolverá workshops e ateliês para crianças e jovens, no âmbito da educação não-formal.

Esta é também uma oportunidade para uma partilha de boas práticas entre a CESIE e a AIDGLOBAL.

Andrea Vacha tem 29 anos, é natural de Turim e formado em Sociologia. Desde 2006 está ligado ao Voluntariado e à Cooperação, tendo já participado em projetos no Peru, Nepal e Senegal.

“AIDGLOBAL pressupõe, para mim, uma experiência muito boa, pois permite aprofundar o conhecimento da Educação para a Cidadania Global e da sua aplicação a nível europeu, assim como desenvolver novas ferramentas para disseminar os valores de solidariedade e de interculturalidade entre os jovens”, salienta Andrea Vacha.

CESIE – Centro Europeu de Estudos e Iniciativas é uma organização sem fins lucrativos, com sede em Palermo, na Sicília, fundada em 2001, que visa promover a comunicação intercultural, apoiar a inclusão social e a igualdade de oportunidades, inspiradas na teoria do pacifista Danilo Dolci.