A AIDGLOBAL promove IV Ação de Sensibilização e Advocacia sobre a Importância da Educação de Infância

A AIDGLOBAL promove IV Ação de Sensibilização e Advocacia sobre a Importância da Educação de Infância

A AIDGLOBAL promove IV Ação de Sensibilização e Advocacia sobre a Importância da Educação de Infância

A identificação dos locais onde terão lugar a casinha do secretariado das Escolinhas e os telheiros que vão abrigar as crianças nos dias de chuva e tempestade constituíram, também, um dos temas em análise durante a ação.

Nos dias 15, 16 e 25 de outubro as comunidades do Bairro 25 de Junho, Chiconelane, Maivene, Malehice e Chaimite receberam a quarta Ação de Sensibilização e Advocacia sobre a Importância da Educação de Infância, realizada no âmbito do projeto “Educadores em Movimento – uma Educação Itinerante para a Primeira Infância”.

Na totalidade a iniciativa consciencializou mais de 30 membros das comunidades supracitadas – líderes religiosos, chefes de localidade, secretários de bairro, pais, mães, cuidadores(as) – que estão agora mais sensibilizados sobre a importância da Educação de Infância e sobre a necessidade da sua participação nas Sessões e Educação Parental, que têm vindo a ser realizadas no contexto do projeto.

No âmbito da iniciativa foi reservado um momento para a identificação dos locais onde terão lugar a construção de pequenas casas de apoio às escolas comunitárias, carinhosamente chamadas de “Escolinhas”, bem como os telheiros que se pretendem criar para proteger as crianças nos dias de chuva e tempestade. Em cada uma das cinco comunidades foi notória a disponibilidade e a recetividade manifestada pelos respetivos membros dos Conselhos de Gestão Comunitária, responsáveis pela gestão das “Escolinhas”, para colaborar na limpeza dos locais e na construção da empreitada, a par das autoridades locais.

A Educação Itinerante para a Primeira Infância é um tema de extrema importância na agenda política global. De acordo com dados recolhidos pela UNESCO, em 2007, a Educação na Primeira Infância é uma ferramenta necessária para mitigar a pobreza. No entanto, dados da UNICEF mostram que, a nível global, 175 milhões de crianças não frequentam a Educação pré-escolar quando têm entre 3 e 6 anos de idade, sendo que, nos países com rendimentos mais baixos, 78% das crianças estão a perder essa oportunidade.

O projeto “Educadores em Movimento” tem como objetivo que, pelo menos, 40 crianças em cada uma das 5 comunidades de intervenção do Chibuto utilizem os serviços de Educação de Infância Itinerante.

Educadores em Movimento – uma Educação Itinerante para a Primeira Infância” tem como financiador principal a Fundação Calouste Gulbenkian, como cofinanciador o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., como promotor a AIDGLOBAL, gestora do projeto, como copromotor o Centro Vocacional e Residencial do Chibuto (CVRC), e como parceiros o Instituto Politécnico de Leiria (IPL), seu coordenador científico-pedagógico, pelo Centro de Estudos Internacionais do Instituto Universitário de Lisboa (CEI – Iscte) coordenador da componente antropológica, pelo Serviço Distrital da Juventude, Educação e Tecnologia do Chibuto (SDJET) e Serviço Distrital de Saúde, Mulher e Acção Social (SDSMAS) – entidades que garantem a articulação do projeto com as políticas públicas.