AIDGLOBAL organiza a pré-abertura de 5 Escolinhas Comunitárias em Moçambique

AIDGLOBAL organiza a pré-abertura de 5 Escolinhas Comunitárias em Moçambique

AIDGLOBAL organiza a pré-abertura de 5 Escolinhas Comunitárias em Moçambique

No âmbito do projeto “Educadores em Movimento – Uma Educação Itinerante para a Primeira Infância”, a AIDGLOBAL organizou a pré-abertura de cinco Escolinhas Comunitárias no Distrito do Chibuto, Província de Gaza, Moçambique.

A pré-abertura das Escolinhas decorreu entre os meses de outubro e dezembro, em cada uma das cinco comunidades onde a AIDGLOBAL tem vindo a intervir – Bairro 25 de Junho, Chaimite, Chiconelane, Maivene e Malehice –, e constitui uma resposta necessária à Educação das crianças, entre os 3 e os 5 anos, no Distrito do Chibuto.

Este período de pré-abertura serviu para testar procedimentos, metodologias, equipamentos, planeamentos e atividades. Este foi também um tempo de efetivação das inscrições das crianças nas Escolinhas, por parte dos pais e cuidadores, para além da eleição do representante dos pais e da representante das Educadoras. Tiveram ainda lugar reuniões semanais de monitorização, planeamento e avaliação das atividades por parte da equipa técnico-pedagógica da AIDGLOBAL que permitiu avaliar o desempenho das Educadoras em Movimento na sua atuação junto das crianças. Este foi, igualmente, um momento para encontrar estratégias com o Conselho de Gestão Comunitária de cada Escolinha para ultrapassar as várias dificuldades inerentes à criação de Escolinhas Comunitárias ainda mais no contexto de um projeto-piloto.

O encerramento deste período de preparação para abertura oficial das Escolinhas, previsto para finais de janeiro do próximo ano, teve o seu momento de celebração na semana de 13 a 17 de dezembro em que, com o apoio financeiro da Association Femmes d` Europe, foi possível proporcionar um lanche a cada uma das crianças das Escolinhas e, ainda, oferecer balões, lápis de cera, bolachinhas e rebuçados.

O projeto Educadores em Movimento procura contribuir para a promoção do acesso a serviços de Educação de Infância com base num modelo de gestão comunitário acessível a crianças de comunidades rurais.

Esta aposta numa resposta local de acolhimento de iniciativas que visam promover a Educação Pré-Escolar, como é o caso destas Escolinhas, surge a par da consciencialização e da capacitação de pais, mães, educadores(as), cuidadores(as) e autoridades locais (formais e informais), que têm vindo a ser desenvolvidas ao longo dos últimos meses. Iniciativas como as Ações de Sensibilização e Advocacia sobre a importância da Educação para a Primeira Infância e as Sessões de Educação Parental, que decorreram ao longo do ano de 2021, ilustram parte dessa resposta que se pretende dar, por intermédio deste projeto.

O aumento do número de crianças com acesso a serviços de Educação de Infância e o desenvolvimento integral e harmonioso das crianças em idade pré-escolar, no Distrito do Chibuto, em Moçambique, com consequente melhoria do seu desenvolvimento cognitivo, socioemocional e motor, das suas condições de saúde e de inclusão, são alguns dos impactos que este investimento terá a médio/longo prazo.

Educadores em Movimento – uma Educação Itinerante para a Primeira Infância” tem como financiador principal a Fundação Calouste Gulbenkian, como cofinanciador o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., como promotor a AIDGLOBAL, gestora do projeto, como copromotor o Centro Vocacional e Residencial do Chibuto (CVRC), e como parceiros o Instituto Politécnico de Leiria (IPL), seu coordenador científico-pedagógico, pelo Centro de Estudos Internacionais do Instituto Universitário de Lisboa (CEI – Iscte) coordenador da componente antropológica, pelo Serviço Distrital da Juventude, Educação e Tecnologia do Chibuto (SDJET) e Serviço Distrital de Saúde, Mulher e Acção Social (SDSMAS) – entidades que garantem a articulação do projeto com as políticas públicas.