Jovens Portugueses e Moçambicanos juntam-se para encontro de perspetivas sobre o Mundo

Jovens Portugueses e Moçambicanos  juntam-se para encontro de perspetivas sobre o Mundo

Jovens Portugueses e Moçambicanos juntam-se para encontro de perspetivas sobre o Mundo

No passado dia 02 de agosto, quatro Jovens rumaram até Moçambique, para realizarem uma viagem de voluntariado, em que terão a oportunidade conhecer e de trabalhar nos projetos e iniciativas implementados pela AIDGLOBAL na área da Cooperação para o Desenvolvimento.

Sofia Loureiro, de 26 anos, Luís Afonso,  de 24 anos, ambos da Juventude Social Democrata (JSD), Ana Fernandes, de 24 anos, e Rúben de Matos, de 28 anos, da Juventude Socialista (JS foram as/os selecionadas/os, entre outras/os jovens candidatas/os ao concurso “Tu — Voluntário”, e estarão na Província de Gaza, no distrito do Chibuto, para colaborarem em alguns dos projetos levados a cabo pela AIDGLOBAL, nomeadamente na área da literacia e da Educação de Infância, tais como a ampliação da Rede de Bibliotecas Escolares do Distrito do Chibuto, a criação e implementação de Escolinhas para a 1ª Infância em contexto rural, a edição de livros de literatura infantojuvenil bilíngues — em português e em changana —  e capacitação de professores/as para dinamização da leitura em contexto de sala de aula.

Esta visita a Moçambique, que irá decorrer até ao dia 12 de agosto, pretende ser uma viagem de voluntariado que leva jovens membros de Juventudes Partidárias a descobrirem a realidade local, devendo implementar uma ação de Educ ação para o Desenvolvimento junto das suas Juventudes, após o seu regresso a Portugal.

No dia 4 de agosto, marcaram presença na Embaixada de Portugal, em Moçambique, e foram recebidos pelo Exmo. Senhor Embaixador Dr. António Costa Moura para partilharem não só o modo como esta sua experiência virá a ser diferenciadora para as suas vidas como também o impacto que terá no núcleo das suas Juventudes Partidárias.

Por ocasião da deslocação desta comitiva, terá lugar, na manhã do dia 05 de agosto, no Pólo da Universidade Eduardo Mondlane, no Chibuto, um encontro entre as/os jovens portugueses/as e as/os jovens universitárias/os moçambicanas/os que abordarão, através de metodologias de Educação Não Formal, várias temáticas que lhes possibilitarão debater as suas perspetivas sobre um só Mundo, com olhares do norte global e do Sul global, à luz dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

No mesmo dia, às 14h00, será inaugurada a Biblioteca Escolar da Escola Primária 1º e 2º Graus de Mudumeia, frequentada por mais de 500 alunas/os, que terão, agora, 1000 livros à sua disposição, naquela que será a 28ª biblioteca escolar a ser criada pela AIDGLOBAL e que integrará a Rede de Bibliotecas Escolares do Distrito do Chibuto, já com 27 bibliotecas. Esta última contará com o trabalho voluntário destes/as jovens, na sequência do trabalho realizado por outras duas outras jovens portuguesas, que de 18 a 31 de julho, estiveram no Chibuto, investindo o seu tempo de férias para criarem esta biblioteca e apoiarem na logística do material que chegou num contentor a Moçambique, em 2020, e que esteve impossibilitado de ser distribuído devido à COVID-19.

Esta iniciativa enquadra-se no contexto do projeto “Jovens na Política — Participar para a Cidadania Global (2ª) Ed.”, que é desenvolvido, em Portugal, desde 2020, e terminará em novembro do corrente ano, cujo financiador é o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., e que tem como público-alvo as Juventudes Partidárias, jovens interessadas/os em política, jovens do tecido associativo e Técnicas/os de Juventude. Este projeto tem como parceiros o Conselho Nacional de Juventude (CNJ)Federação Nacional das Associações Juvenis (FNAJ)Dypall NetworkCentro de Estudos Internacionais – Instituto Universitário de LisboaInstituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ)Centro de Juventude de Lisboa (CJL), e a  Câmara Municipal de Santarém e conta com o apoio da Mypolis.