Pintura no Mural repleta de cultura e criatividade levam crianças assinalar a semana da Interculturalidade

Pintura no Mural repleta de cultura e criatividade levam crianças assinalar a semana da Interculturalidade

Pintura no Mural repleta de cultura e criatividade levam crianças assinalar a semana da Interculturalidade

A Escola Maria da Luz de Deus Ramos recebeu, de 11 a 14 de abril, 2022, a Semana da Interculturalidade e aproximadamente 40 crianças marcaram presença numa iniciativa promovida pela AIDGLOBAL, em parceria com o Agrupamento de Escolas do Alto do Lumiar, pela Educar a Sorrir e, ainda, pela Fundação Aga Khan. Em termos concretos, o objetivo passou por realizar atividades e brincadeiras, com vista à inclusão social, consciencializando as crianças para a preservação dos valores ligados à solidariedade, igualdade, respeito pela diferença através do diálogo e convivência entre culturas diferentes.

Foram realizados quatro Workshops em torno de diferentes atividades, tendo sido o primeiro alusivo à Música e Danças Tradicionais do mundo, onde as crianças foram convidadas a desenhar um mapa mundial, representando os vários países que o constituem, permitindo, assim, a terem uma maior perceção da localização geográfica do seu país de origem, da sua cultura, mas também das existentes e diversificadas culturas no mundo. Concomitantemente, cada criança identificava um país no mapa e escolhiam uma música típica do mesmo, que poderia ser a sua terra natal, o que os/as levou a mobilizar os restantes os/as colegas a imitarem a dança tradicional do país selecionado, surgindo também a oportunidade de crianças ensinarem as danças típicas do seu país aos colegas. Ainda, foi dada a oportunidade às crianças de aprenderem a tocar guitarra, cavaquinho e pandeiro, manifestando da sua parte interesse e curiosidade. A autoconfiança e o trabalho em equipa foram constatados entre as crianças e contribuíram para uma maior consciencialização sobre as suas emoções e como geri-las.

No dia 12 de abril realizou-se o segundo Workshop da Semana Intercultural que contou com vários Jogos Tradicionais de diferentes países, nomeadamente do Paquistão, Moçambique, África do Sul, Bangladesh e Portugal, distribuídos por cinco estações. Para os dinamizar, contou-se com quatro animadoras da AIDGLOBAL e uma da Fundação Aga Khan. Diversão e novas experiências culturais marcaram estes jogos de diferentes países. Do Paquistão, as crianças foram presentadas com o jogo de “Baraf Pani”, de Moçambique com o jogo “Cheia”, da África do Sul com o jogo “Mbube Mbube”, do Bangladesh com o jogo “Sat Chara”, e, não menos importante, de Portugal com o jogo “Corrida de Sacos”. Todas as crianças dividiram-se em subgrupos e tiveram a possibilidade de experimentar cada jogo tradicional. Estes jogos revelaram-se muito atrativos para as crianças que lhes deram a conhecer diferentes jogos tradicionais de outros países, e alguns destes jogos foram explicados pelas próprias crianças oriundas desses países.

O terceiro Workshop foi marcado por um Desfile de moda com roupas recicláveis que mistura criatividade e sustentabilidade e que juntou alunos/as, professores/as, auxiliares e familiares aderirem à coleta seletiva, com a convecção que reaproveitam materiais que foram transformados em roupas para serem apresentadas no desfile. Os/as modelos foram as próprias crianças que fizeram jus ao dia e todas criaram as suas próprias vestimentas inspiradas nas características peculiares que representavam um país, uma cultura, uma história, um animal, natureza, algo que se identificassem e que gostariam de partilhar com os/as demais colegas e todos/as os/as presentes. O desfile teve direito a pinturas faciais, foi filmado pela MuseMotion e contou com um júri composto por 3 elementos da Escola, Dra. Maria Fátima Cunha Silva, a auxiliar Cláudia Barbosa e a Técnica Rita da Associação Educar a Sorrir, que deliberam os três grandes vencedores. Um sucesso que ficará na memória dos pequenos/as petizes. Esta atividade permitiu às crianças conhecerem as suas próprias tradições, através do vestuário e da capacidade de imaginar e recordar os seus costumes e partilhar com os/as alunos/as da escola.

Chegámos ao último dia do Workshop da Semana de Interculturalidade, marcado pela desejada Pintura do Mural que Rui Alexandre Ferreira a.k.a RAF, Artista Plástico convidado a fazer parte desta grande atividade, inspirou-se e recriou os desenhos elaborados pelas crianças, onde estão representados a sua imaginação, os seus gostos, pensamentos e, ainda, as suas emoções. As crianças tiveram, ainda, a hipótese de deixarem a sua marca na escola, dando um sentido de pertença e de inclusão na sua comunidade escolar. Ao mesmo tempo, foram entrevistadas crianças recém-chegadas a Portugal pela AIDGLOBAL e as devidas gravações foram realizadas por Miguel Marques da MuseMotion.

Estes workshops permitiram a reflexão sobre os desafios que uma sociedade intercultural enfrenta. Foi também propósito dar a conhecer às crianças as diferentes culturas e etnias de cada um/a através de um conjunto de atividades de caráter social e lúdico que envolveram um público abrangente, para além de beneficiar o desenvolvimento integral e das funções intelectuais da criança. A Semana da Interculturalidade pretendeu, assim, apelar para a necessidade de igualdade de oportunidades, respeito pela diferença e diálogo intercultural.

NEAR – NEwly ARrived in a common home” é um projeto europeu financiado pela Comissão Europeia, no âmbito do Fundo de Asilo, Migração e Integração (AMIF) tendo como entidade promotora a Fundação ISMU e como entidades parceiras a Tamat, a CARDET, a AIDGLOBAL e a Università Cattolica del Sacro Cuore. Em Portugal, este projeto está a ser desenvolvido na cidade de Lisboa, designadamente no Bairro das Galinheiras, localizado na Freguesia de Santa Clara.

AIDGLOBAL ― Acção e Integração para o Desenvolvimento Global é uma Organização Não-Governamental para o Desenvolvimento (ONGD), sem fins lucrativos, que desenvolve e promove projetos no âmbito da Educação para o Desenvolvimento e Cidadania Global, em Portugal e, programas no âmbito da Literacia, em Moçambique. A sua Missão visa Agir, Incluir e Desenvolver através da Educação, porque acredita que a Mudança acontece pela Educação.