Um dia para descarbonizar o terceiro sector em Roma, Itália

Um dia para descarbonizar o terceiro sector em Roma, Itália

Um dia para descarbonizar o terceiro sector em Roma, Itália

No dia 22 de setembro, concluiu-se o Encontro  “(e)mission (im)possible: Supporting the protagonism of international cooperation and the third sector in the fight against climate change” que teve lugar no Jardim Botânico, em Roma, Itália.

Este foi o primeiro de 6 Eventos Multiplicadores a serem realizados no âmbito do projeto “(e)mission (im)possible. implementado por 7 ONG europeias e parceiros universitários constituiu uma oportunidade para se  debaterem as necessidades e limitações do sector da cooperação no combate à atual emergência climática.

A Sud Ecology and Cooperation, na pessoa de Lucie Greyl, deu início à conferência introduzindo a Agenda do dia e partilhando as próximas atividades do projeto. De seguida, passou a palavra ao Diretor do Jardim Botânico de Roma, Fabio Attorre, que deu as boas-vindas a todas/os as/os participantes.

O painel: oradores/as do mundo da cooperação

Logo depois, foram apresentadas diferentes perspetivas da cooperação internacional e do terceiro sector, alternadamente, por representantes de várias ONG italianas, organismos e fundações que concedem os apoios financeiros , nomeadamente  Un Ponte Per, AOI, Fairwatch, CINI, LINK2007, Concord Europe, Assifero, Charlemagne Foundation).

Ao ar livre, no meio do Jardim Botânico, a pausa do café foi aproveitada para se estabelecerem redes de contacto entre os presentes  e se conhecerem-se mutuamente, reforçando as ligações e comparando pontos de vista sobre os tópicos que tinham acabado de ser debatidos.

“Descarbonização da cooperação internacional: como?” World Cafè. 

Ao intervalo seguiu-se o workshop Decarbonizing international cooperation: how?”,  conduzido pela Foundazione Ecossitemi — em formato “World Café”—  pelo que  as/os participantes foram, inicialmente, divididas/os em pequenos grupos, para debaterem,  em conjunto,  as limitações e oportunidades do sector , tendo em vista implementar ações climáticas positivas. De seguida, em plenário, todas/os presentes tiveram a oportunidade de conhecerem os diferentes pontos de vista . Após algumas palavras de despedida, encerrou-se o Encontro e  todos deixaram o Jardim Botânico.

Os próximos passos

Aproveita-se esta oportunidade para agradecer a presença das/os participantes e oradores/as que contribuíram para o sucesso deste primeiro evento e por estarem dispostas/os a desafiarem-se a si próprias/os e  a consolidarem as suas motivações para contrariar a emergência climática.

Se quiser saber mais sobre o evento recentemente concluído, consulte, aqui, o programa detalhado, com todas as informações, incluindo os nomes das/os oradores/as do painel.

No projeto, há, ainda, muitas atividades de formação e debate. Todas as informações serão atualizadas, nas próximas Newsletters do projeto.

Curso Online do “(e)mission (im)possible”

Se ainda não se inscreveu para o curso online do “(e)mission (e)possible” , está a tempo de fazer a sua pré-inscrição. O curso é gratuito e começará em breve. O  seu objetivo  é proporcionar às/aos profissionais da Cooperação para o Desenvolvimento e da Ajuda Humanitária, voluntárias/os, estudantes e académicas/os uma formação de 25 horas, certificada com créditos ECTS. Criado por profissionais do sector da cooperação e peritos em matéria ambiental e climática, o Massive Open Online Course (MOOC) foi concebido para se adaptar, de forma flexível, às atividades profissionais e de estudo das/os participantes.

Disponível em inglês, italiano, francês, espanhol e português, o curso visa facultar conhecimentos e ferramentas cognitivas, metodológicas e técnicas essenciais para orientar um processo transformador funcional de redução das emissões do sector e promover  ações climáticas positivas. Leia mais sobre o curso

O projeto “(e)mission (im)possible” é um projeto europeu cofinanciado pelo Programa Erasmus + da União Europeia, tendo como entidade promotora a A Sud – Ecologia e Cooperazione ONLUS, e como entidades parceiras a AIDGLOBAL, a Iroko – Desarrollo Forestal Sostenible, a Bosque Y Comunidad, a Fundazione Ecossistemi, a Universidad de Cádiz e a Un Ponte Per.