Dialogar e Agir por + Igualdade na R.A.M.

O projeto pretende contribuir para o combate à Pobreza e à Violência Doméstica, na Região Autónoma da Madeira (R.A.M.). Paralelamente, pretende-se reforçar a capacitação da AIDGLOBAL a nível organizacional.

  • Local de Atuação
    Região Autónoma da Madeira
  • Destinatárias/os
    Jovens, Dec. Políticos, Estud. da UMa e Profi. Comunicação
  • ÁREA DE AÇÃO
    Educação para a Cidadania
  • TEMÁTICAS
    Género e Pobreza

DURAÇÃO

O projeto tem a duração de 20 meses, realizando-se de 01 de junho de 2022 a 31 de janeiro de 2024.

PROPOMOS

  • Sensibilizar e mobilizar cidadãos, entre eles estudantes e políticos, na Região Autónoma na Madeira, em torno dos temas da Violência Doméstica e da Pobreza, tendo por base a investigação, a comunicação, o diálogo estruturado e a monitorização de políticas.

POR
QUÊ
?

A Região Autónoma da Madeira tem uma taxa de incidência de participações de violência doméstica às Forças de Segurança superior à média nacional, segundo o Relatório Anual de Monitorização de Violência Doméstica (2020) e tem a mais alta taxa de risco de pobreza e de exclusão social do país, de acordo com o Inquérito às Condições de Vida e Rendimento 2020. Género e Pobreza são temas fortemente associados visto que, no mundo, se verifica mais pobreza no feminino (Oxfam, 2017). Esta desigualdade impede as mulheres de terem voz própria, desvaloriza o seu trabalho e coloca-as em situação de desvantagem face aos homens, tanto no ambiente doméstico como na escala nacional e mundial (Oxfam, 2017). Desta forma, o presente projeto foca-se nos temas do Género e Pobreza, indo ao encontro de duas das principais problemáticas na Região Autónoma da Madeira, numa resposta aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 1 e 5.

REALIZAMOS

  • Estudo sobre Violência Doméstica na R.A.M.;
  • Estudo sobre Pobreza na R.A.M.;
  • Documento estratégico/policy paper sobre a Violência Doméstica na R.A.M.;
  • Documento estratégico/policy paper sobre a Pobreza na R.A.M.;
  • Reuniões com atores políticos e stakeholders com vista à apresentação de recomendações sobre as questões da Violência Doméstica e da Pobreza na R.A.M.;
  • Workshop “Comunicar pelos Direitos Humanos”;
  • Campanha de sensibilização sobre Violência Doméstica na R.A.M.;
  • Campanha de sensibilização sobre Pobreza na R.A.M.;
  • Divulgar políticas públicas e privadas, em torno do Género e da Pobreza, numa rede social;
  • 2 Iniciativas de Educação Não Formal sobre “Associativismo e Direitos Humanos”, uma no Funchal e outra no Porto Santo;
  • E acompanhamos o processo de criação de uma associação juvenil, no Porto Santo, com enfoque nas questões do Género e da Pobreza.
Na componente de capacitação da AIDGLOBAL, iremos elaborar um diagnóstico organizacional e um plano de ação.

ESTUDOS


Violência Doméstica Contras as Mulheres na Região Autónoma da Madeira



O presente estudo pretende compreender de que forma as políticas públicas na R.A.M., regionais e locais, são eficazes para a prevenção e combate à violência doméstica perpetrada contra as mulheres. Também se pretende perceber de que modo as mesmas políticas se configuram como recomendações efetivas para a mudança/melhoria das políticas públicas e o aumento da consciencialização para a problemática.
 

Pobreza no Contexto do Ensino Superior: um Estudo Exploratório na Universidade da Madeira
 


O presente estudo pretende caracterizar e compreender as razões/os fatores que conduzem as/os estudantes, na Universidade da Madeira, a abandonarem o ensino superior, dando enfoque às razões/aos fatores socioeconómicos. Também se pretende entender de que modo as políticas públicas nacionais, regionais e locais são eficazes para a sua prevenção e combate, com vista a produzir recomendações para que haja uma mudança/melhoria das políticas públicas e um aumento da consicencialização para a problemática existente, por parte de todas/os as/os intervenientes. 

POLICY PAPERS

Policy Paper | Violência Doméstica Contra as Mulheres na Região Autónoma da Madeira


 

documento estratégico apresenta recomendações dirigidas a diferentes sectores/entidades, tendo como intuito prevenir e combater o flagelo da violência doméstica contra as mulheres.
 

Policy Paper | Pobreza no Contexto do Ensino Superior: um Estudo Exploratório na Universidade da Madeira
 

 

documento estratégico apresenta recomendações dirigidas a diferentes sectores/entidades, tendo em vista promover a equidade de oportunidades no acesso e conclusão do ensino superior e minimizar as barreiras financeiras, que podem limitar o potencial educativo das/os estudantes na Região Autónoma da Madeira (R.A.M.).

PETIÇÃO PÚBLICA

Mais apoios para as Famílias Vulneráveis e pessoas em Situação de Violência Doméstica, na Região Autónoma da Madeira



Visualize, abaixo, o vídeo da Petição!
 


A Petição Pública, baseada no Estudo  "Violência Doméstica Contras as Mulheres na Região Autónoma da Madeira" –,  é uma recomendação dirigida ao Presidente do Governo Regional da Madeira, a fim de serem criadas mais residências de autonomia, além das 4 já planeadas até 2027. Tal permitiria que pessoas vítimas de Violência Doméstica, fora de perigo iminente, mas sem condições para terem uma vida autónoma, se reorganizem e ajustem as suas condições sob supervisão técnica. Mobilizar para descontruir desigualdades foram os alicerces que sustentaram os conteúdos criados para dar voz à Petição.

Exija Ação, apoiando esta Petição! Assine, aqui, e divulgue. A sua ajuda faz a diferença!


FINANCIADO POR:

Projeto financiado pela Islândia, Liechtenstein e Noruega, através dos EEA Grants.


OPERADORES DO PROGRAMA:


PROMOTOR


PARCEIRO


APOIO

CONTRIBUA PARA A MUDANÇA

O Desenvolvimento acontece pela Educação.

Queremos dar continuidade aos nossos projetos por um mundo mais sustentável, apostando na Educação.
Ao longo da sua existência, a AIDGLOBAL tem estabelecido parcerias com diversos organismos, que se reconhecem na nossa missão. A AIDGLOBAL agradece a todas as entidades públicas e privadas o apoio solidário demonstrado ao nosso trabalho, na certeza de que continuaremos o nosso caminho em prol da Mudança, por um mundo mais justo e equitativo, através da Educação.

Noticias do projeto